Registo de algumas análises, farpas e aforismos no Facebook de José Adelino Maltez

09
Abr 11

Na procissão do senhor, em Matosinhos, foi tudo música celestial. Agora é " PS mais o FMI", há menos de uma semana, o “eu não estou disponível para governar com o FMI”. Ninguém quis ver, ouvir ou ler que, em menos de meio século, fomos, mais uma vez, arrastados, como na guerra e na descolonização, de metrópole e “bom aluno”, a um Portugal-Colónia a pedir que nos ordenem de fora. Enquanto isto, 47 notáveis dos sucessivos situacionismos manifestavam-se numa espécie de golpe do abaixo-assinado, com Cavaco a tentar exportar a imaginação dos tapetes de Arraiolos para Budapeste. Mas o comissário do vazio de Europa, Oli Rehn, utilizou, com toda a previsibilidade, a brutal linguagem do "ultimatum". Afinal, os catastrofistas e profetas da desgraça eram bem mais suaves do que os cortes a que fomos condenados, piores que os da Ditadura das Finanças de 1928. Por outras palavras, acabou o federalismo sem dor e os palermas da vacina serão apenas súbditos de uma uniletaral governação económica da Europa. Acabou a festa, pá! A “agit-prop” já inventou outra história, alterando o vilão e o enredo. 

publicado por José Adelino Maltez às 17:09

Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Biografia
Bem mais de meio século de vida; quarenta e dois anos de universidade pública portuguesa; outros tantos de escrita pública no combate de ideias; professor há mais de trinta e cinco e tal; expulso da universidade como estudante; processado como catedrático pelo exercício da palavra em jornais e blogues. Ainda espera que neste reino por cumprir se restaure a república
Invocação
Como dizia mestre Herculano, ao definir o essencial de um liberal: "Há uma cousa em que supponho que ate os meus mais entranhaveis inimigos me fazem justiça; e é que não costumo calar nem attenuar as proprias opiniões onde e quando, por dever moral ou juridico, tenho de manifestá-las"......
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO