Registo de algumas análises, farpas e aforismos no Facebook de José Adelino Maltez

27
Mai 11

Há quem dedilhe a lira do Bloco Central de há um quarto de século, há quem recante o Bloco de Direita, ainda mais antiquado, tal como se insiste no Bloco de Esquerda de há uma década. Eu gostaria mais de refundar o regime contra a corrupção e o indiferentismo. Não vou votar em atalhos.

 

Há discursos que se gastaram pelo mau uso e que começam a prostituir-se pelo abuso. Não quero frequentar esses mercados, condicionados pelas forças vivas dos grupos de pressão e dos grupos de interesse, com muita economia privada e evasão fiscal, mas com pouca ética protestante...

 

Há coisas antigas que não são antiquadas, há coisas novas que são antiquadas. A tal já foi restaurada uma vez por quem a quer restaurar mais uma vez e não me deixou saudades. Desde já, sou do contra.

 

"Man is small, and, therefore, small is beautiful"

 

"The essence of civilisation not in a multiplication of wants but in the purification of human character. Character, at the same time, is formed primarily by a man's work. And work, properly conducted in conditions of human dignity and freedom, blesses those who do it and equally their products"

publicado por José Adelino Maltez às 00:07

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Maio 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9


28

31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Biografia
Bem mais de meio século de vida; quarenta e dois anos de universidade pública portuguesa; outros tantos de escrita pública no combate de ideias; professor há mais de trinta e cinco e tal; expulso da universidade como estudante; processado como catedrático pelo exercício da palavra em jornais e blogues. Ainda espera que neste reino por cumprir se restaure a república
Invocação
Como dizia mestre Herculano, ao definir o essencial de um liberal: "Há uma cousa em que supponho que ate os meus mais entranhaveis inimigos me fazem justiça; e é que não costumo calar nem attenuar as proprias opiniões onde e quando, por dever moral ou juridico, tenho de manifestá-las"......
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO